O que significa o símbolo TM (™) em um logotipo?

Se alguma vez na sua vida você passou mais de meio segundo olhando para algum produto na prateleira do supermercado - você com toda certeza já viu o famoso símbolo TM (™). Descubra o que significa esse símbolo no logotipo!

Se alguma vez na sua vida você passou mais de meio segundo olhando para algum produto na prateleira do supermercado – você com toda certeza já viu o famoso símbolo TM (™).

Essas letrinhas, que já se fizeram presentes em muitas indagações infantis para seus pais, significam nada mais nada menos do que Trade Mark.

Trade Mark é o termo em inglês para o que conhecemos no Brasil como Marca Registrada ®, mesmo que a tradução literal seja simplesmente Marca Comercial.

Atualmente, o símbolo TM (™) é mais usado como uma representação desse mundo – já que por aqui seu valor legal não é reconhecido nem pelo INPI nem pela Legislação Brasileira, pois utilizamos o ® ou o © de Copyright; que se padronizaram também pelo mundo afora.

Ter uma dessas marquinhas em suas logos mostra ao público que você é realmente dono do que usa – além de entrar na percepção do consumidor como um produto seguro, confiável e digno de compra.

Ou seja, além de assegurar contra plágios e outros riscos envolvendo sua marca…

O ® traz consigo uma valorização da sua marca para com o mercado e até uma parcela maior de vendas.

O que é uma Marca Registrada para a Lei?

Para a Lei, ter uma marca registrada é tê-la oficialmente como patrimônio da empresa.

Isso significa que o controle de uso está sempre em suas mãos – protegido dentro e fora de seu país pelos órgãos competentes.

A Marca Registrada, ou melhor, o Copyright © abrange a propriedade intelectual quase como um todo, protegendo livros, ilustrações, músicas, filmes…

Mas tenha em mente que isso não proíbe a reprodução dessas obras, apenas te dá um embasamento legal para se defender ou negociar acordos de autorização de uso.

O INPI, que tem como função regular a propriedade industrial e intelectual no Brasil, oferece também novos recursos intelectuais, palestras e conexões inteligentes para quem está nos conformes dos registros – além, é claro, de ser o órgão competente para que você registre sua marca.

Muitos novos empresários tendem a ver a burocracia da Lei como um atraso para seus negócios e, na maioria das vezes, eles estão certos!

Se faz interessante perceber que no caso de registro de marcas, patentes e propriedades intelectuais – o contrário é o status quo. Ou seja, a Lei está sendo instrumentalizada como um apoio para a estabilidade dos seus negócios, do seu nome e patrimônio.

Além disso, não existem valores abusivos e nem longas demoras – os últimos anos têm sido anos de grandes avanços para o desenvolvimento da Propriedade Intelectual Brasileira.

Vale a pena entrar nos conformes da Lei e garantir o espaço do seu nome no mercado.

Como uma Marca Registrada se traduz para os negócios

Um dos mais importantes braços para a condução de bons negócios é o Marketing.

Na atual onda do marketing, o branding é carro-chefe para qualquer estratégia. Ou seja, a percepção que o público tem para com a sua marca.

Isso quer dizer que, dentro da sua empresa, essa busca por um espaço de alta visibilidade é um trabalho constante. Da mesma forma que é essencial diferenciar e proteger sua imagem.

Fazendo as contas, é possível ver um acréscimo na confiança que o público tem com sua marca – isso se converte em melhor reputação logo de primeira e, mais pra frente, maior conversão em vendas.

Sem a segurança da marca como seu patrimônio, essa visibilidade traz também um alvo no meio do seu peito – uma ameaça constante de não só plágio, como também de alguém registrar a sua marca antes e te “roubar”, legalmente, esse bem tão valioso.

Tendo tudo isso em mente, fica mais fácil de se analisar as vantagens do ® para a sua marca:

Aumenta o valor financeiro

É claro que isso não se faz apenas registrando sua marca, mas é o primeiro passo para o desenvolvimento de uma marca forte.

Com o desenvolvimento do branding da empresa, a valorização da marca é desenvolvida junto. Esse é um valor realmente tangível, não apenas baseado na psicologia das vendas – inclusive, marcas podem até serem deixadas de herança!

Pensando nisso, se faz essencial dar os primeiros passos rumo ao seu legado – conhecendo todos os perigos e sabendo identificar as oportunidades.

Melhora o relacionamento da equipe

Pois é, nem toda vantagem é focada no mercado.

Nos últimos anos, muitas pessoas começaram a trabalhar por conta própria ou como terceirizados em empresas onde pouco se sabe sobre visão, missão e valores – em muitos casos, parece até que o trabalho não faz sentido, pois o funcionário não se sente como uma engrenagem na máquina.

Pior ainda, muitos chegam a sentir que essa máquina é inútil ou simplesmente nada profissional.

Ter sua empresa, loja ou pequeno negócio como algo registrado, certificado e protegido pela Lei entrega uma confiabilidade maior não só para o mercado; passa esse sentimento também para os que trabalham ao seu lado.

É comprovado que um ambiente de trabalho confortável mentalmente melhora a produtividade, os resultados como um todo e diminui (e muito) o giro de funcionários. Isso quer dizer que sua empresa vai gastar menos tempo treinando novos colaboradores e mais tempo produzindo valor.

Agrega valor aos produtos

Você já deve ter se deparado com a situação:

Você chega na farmácia e pede um medicamento, para o qual você recebe duas opções de compra:

O Original e o Genérico.

Sabendo que o Genérico possui a mesma composição e é vendido por preços mais atrativos, o que faz as pessoas continuarem comprando o Original por preços mais altos?

O NOME! A tranquilidade em saber quem de fato está fazendo, a tradição da marca e a confiança passada só por você saber que não é algo “genérico”.

O mesmo ocorre com seus produtos, seja nas prateleiras de uma grande loja ou em um canal virtual de domínio próprio – distinguir seu nome com um produto legalmente registrado sempre será um grande atrativo ao público; e grandes atrativos ao público podem ser vendidos por um extra.

Você não precisa nem ter um produto próprio, só de vender esse produto embaixo das suas asas e entregar a reputação do seu nome como garantia da qualidade da mercadoria já vale o agregado no valor.

Dito isto, fica evidente que registrar sua marca e ter o controle do que é seu por direito é uma das melhores decisões que um empreendedor pode tomar.

Seja qual for as proporções dos seus negócios, são inúmeras oportunidades para o crescimento, segurança e a tranquilidade que, pelo preço, nada mais consegue entregar.

Para se registrar sem dor de cabeça, clique aqui e conheça, sem compromisso, os serviços de assessoria da Legis Marcas.

Nos ajude a fazer essa informação chegar a mais pessoas. Compartilhe esse post nas suas redes sociais:

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale com um advogado

Preencha o formulário abaixo e receba nosso contato personalizado:

relacionadas.

Inscreva-se gratuitamente e receba nossos posts!

A Legis Marcas e Patentes precisa das informações de contato que você nos fornece para comunicar informações sobre produtos e serviços. Você pode deixar de receber essas comunicações quando quiser. Para obter mais informações, confira nossa Política de Privacidade.

posts relacionados.

Registro de Marca: Escolher Especificação Pré-aprovada ou Livre?

Descubra as diferenças entre especificação pré-aprovada e de livre preenchimento no registro de marcas e como escolher a melhor opção para proteger sua identidade empresarial no Brasil. Saiba mais sobre os processos e dicas práticas para um registro bem-sucedido.