5 Perigos de NÃO Registrar a Marca da sua Empresa

Registrar a sua marca tem diversos benefícios, mas NÃO registrá-la pode acarretar muitos problemas. Confira os 5 perigos de não registrar a sua marca no INPI

Quando você opta por não registrar a marca da sua empresa, está correndo sérios riscos. Ao se negligenciar algo tão importante, só tem a perder.

É impossível fazer um quadro de vantagens e desvantagens de não ter um registro de marcas e patentes, uma vez que só tenha desvantagem. 

Por isso, se você ainda está em dúvida se vale ou não a pena realizar o registro de marca, confira os 5 perigos:

1. Perder a Marca que Nunca Possuiu

O perigo inicial e que deve amedrontar todos os empresários que ainda não possuem registro de suas empresas é o fato de poderem ficar sem a empresa que criaram.

Alguém que veja o potencial da sua marca pode roubá-la legalmente se não tiver registro no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial).

Esse “roubo” é legalizado porque a pessoa nunca possuiu a marca, pelo menos juridicamente. 

2. Investir em uma Marca que pertence a terceiros

Neste exato momento tem uma pessoa investindo em tráfego pago, publicidade tradicional, site e tudo o que puder para destacar a marca. Problema? A marca já tem dono.

Portanto, investem para promover a marca de outras pessoas, uma hora podem ser acionados judicialmente, perdendo a marca que foi promovida por anos. 

São muitos os casos de empreendedores com 10 anos no mercado que nunca registraram a marca da empresa e não sabem que poderão perder tudo o que construíram num piscar de olhos.

3. Pagar multas e Indenizações

Caso você esteja usando a marca de terceiros, então poderá ser acionado judicialmente pelos donos reais da marca. 

Com isso, você terá que pagar indenizações e até multas.

4. Perder a credibilidade

Uma empresa que não consegue cuidar de si mesma poderá zelar pelo consumidor? Essa é a pergunta que poderá ficar na mente dos clientes. 

Esta é uma das piores coisas que podem acontecer, empresa sem credibilidade não apenas fica estagnada, como também regride no mercado perdendo clientes. 

5. Perder dinheiro

Qual é o resumo de tudo? A perda de dinheiro! 

Investir em um negócio sem marca registrada é o pior dos investimentos, visto que não tem segurança jurídica. 

Não ultrapasse a placa

Quando olhamos uma placa de perigo, precisamos respeitá-la, pois foi posta por algum motivo.

Da mesma forma, o empreendedor deve estar sempre atento às placas de perigo que surgem na frente do seu negócio. Ao negligenciar, a vida do empreendimento corre sério perigo.

Ao contratar uma empresa especializada para ajudar você nesse registro, é possível resolver todas as pendências sem dor de cabeça e no prazo de 6 a 12 meses. Uma vez feito, o registro da sua marca tem validade de 10 anos, podendo ser renovado sempre que expirar.

O nome de registro na junta comercial protege minha empresa?

Possuir o registro na junta comercial e ter um CNPJ não tem relação com ter a propriedade da Marca, pelo fato de ser a respeito de uma formalização da constituição da empresa a nível estadual, o que significa que nada impede que tenha outra empresa com o mesmo nome em outro estado. O registro da Marca garante a propriedade dela a nível nacional, no seu ramo.

Portanto, sua empresa só estará livre de todos os perigos tratados neste artigo se tiver registro no INPI. 

Nos ajude a fazer essa informação chegar a mais pessoas. Compartilhe esse post nas suas redes sociais:

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale com um advogado

Preencha o formulário abaixo e receba nosso contato personalizado:

relacionadas.

Inscreva-se gratuitamente e receba nossos posts!

A Legis Marcas e Patentes precisa das informações de contato que você nos fornece para comunicar informações sobre produtos e serviços. Você pode deixar de receber essas comunicações quando quiser. Para obter mais informações, confira nossa Política de Privacidade.

posts relacionados.

Registro de Marca: Escolher Especificação Pré-aprovada ou Livre?

Descubra as diferenças entre especificação pré-aprovada e de livre preenchimento no registro de marcas e como escolher a melhor opção para proteger sua identidade empresarial no Brasil. Saiba mais sobre os processos e dicas práticas para um registro bem-sucedido.